Leftovers (31/01): Bobby, Uhm Jung Hwa, Hwasa, Kyary pamyu Pamyu, Matsui Jurina e etc.

Mais um daqueles posts em que comento porcamente músicas que você que lê esse blog provavelmente não se importou em ouvir antes.

Uhm Jung Hwa – Hop In (feat. Hwasa, DPR LIVE)

Ressuscitando essa esquecida de dezembro pois é uma faixa muito boa. Quer dizer, eu não curti tanto assim quando saiu mas essa música cresceu rapidinho comigo e hoje eu acho que a Uhm Jung Hwa segue servindo tudo para os gays sim. Ainda acho que a participação da Hwasa passa batido e poderia ser mais memorável, mas “Hop In” é um New Jack Swing ótimo música que eu imagino a Janet Jackson lançando lá pelos anos 90.

Pink Fantasy – Lemon Candy

Pelo nome eu imagino que era para ser algo mais bittersweet, que causa um estranhamento inicial mas aos poucos você vai curtindo e achando legal pela sensação diferente que a música dá. Por aqui só falta eu começar a curtir a música, mas acho a tentativa boa (E finalmente a menina do coelho se livrou daquela fantasia e botaram um disfarce mais funcional para ela se meter em um grupo pop).

Saturday – Only You

Música fofinha, mas um vídeo desses vindo de grupo nugu sempre entrega que o orçamento acabou e o Saturday está nas últimas já. Uma pena, pois “Bbyong” segue sendo um bop na minha playlist.

Golden Child – Burn It

O Bomin e o outro bonito desse grupo seguem bonitos demais para lançar essas músicas tão inespecíficas aí.

Cravity – My Turn

SuperM já é ruim sozinho, não precisamos de outros boygroups emulando SuperM e sendo piores para a gente começar a achar que o SuperM não é tão ruim assim em comparação.

Bobby – U Mad

Oh, wow. Ele debocha mandando um “Porque você está bravo?” enquanto solta uns papapum da forma mais agressiva e tenebrosa possível. Porque VOCÊ está bravo, Bobby?

Hwasa – Play With Life

Uma curiosidade: Essa música foi lançada há mais de um mês para promover o The Sims, mas o pessoal só foi dar uma foda AGORA porque foi repostado no canal da 1theK que alcança mais o kpopper médio. Isso quer dizer que a música é boa? Não, é só um comercial de The Sims.

Woohee – In Place

Tá faltando pulso nas ex-Shabetas para lembrarem do quão transgressoras e involuntariamente provocativas elas eram no Dal Shabet. Mas assim né, se eu engulo as músicas mais ou menos da Serri sem sofrer, também posso engolir essa da Woohee.

DALsoobin – Sign

A Subin passou o Miss Back inteiro sem ganhar a sua música, sendo uma ótima runner up mas nunca conseguindo uma vitória, então o Big Sancho resolveu produzir essa “Sign” e dar de presente para ela no episódio final do programa. E essa música é uma delícia, especialmente para as viúvas das midtempos sensuais no K-pop.

LiSA – dawn

Começando a parte J-pop desse post temos a nova da LiSA para qualquer anime de garotos lutando que é ainda outra ótima faixa para qualquer anime de garotos lutando, mas não deve ser muito comentada pois vai demorar para a LiSA deixar de ser a MC Kimetsu no Yaiba e ter a chance de conseguir outro highlight na carreira.

Yoasobi – Kaibutsu

Mais uma música de anime, mas dessa vez para BEASTARS. Nunca me interessei pelo anime a ponto de saber do que se trata, mas a música é muito legal e funciona tanto como música para anime quanto na discografia do Yoasobi.

Kyary Pamyu Pamyu – Gum Gum Girl

Ninguém esperava uma música ótima da Kyary a essa altura do campeonato, mas aqui estamos com “Gum Gum Girl” sendo a melhor música em uns bons 4 anos (E o melhor PV da carreira? Ela foi com fogo nos olhos aqui). Eu poderia aclamar essa daqui em um post separado mas foi tanto tempo engolindo tanto trabalho ruim que eu não sei mais como gastar três parágrafos rasgando seda para Pamyuzão, então eu deixo aqui o registro desse ser o 1º single realmente bom dela desde “Harajuku Iyahoi”.

Black Pearl – Change Your World

O single de despedida da Jurina também contou com a sub-unit em que ela participa lançando esse bopzão para as viúvas do K-pop de 2ª geração (Um KARA da vida lançaria uma dessas tranquilamente)…

Matsui Jurina – Memories

… E com essa tranqueira de despedida aí, pois todo ato pop acha que a gente quer uma baladona safada para eles encerrarem a carreira. Uma pena que a Jurina não é do Hello!Project, pois a relevância que ela teve no SKE48 merecia tranquilamente um vídeo estilo “Mikaeri Bijin” do Morning Musume em que todas as gatinhas passaram 4 minutos cantando um enka melosíssimo sobre como a Sayumi Michishige foi a fodona por lá.

3 comentários em “Leftovers (31/01): Bobby, Uhm Jung Hwa, Hwasa, Kyary pamyu Pamyu, Matsui Jurina e etc.”

  1. Essa máscara nova da Daewang me lembra que havia o rumor de que ela na verdade era a própria CEO da agência do PinkFantasy (que tentou a carreira de idol quando era mais jovem e inclusive foi trainee junto com a integrante mais velha do PinkFantasy – que, claro, já saiu do grupo assim como três ou quatro outras ex-integrantes).

    Com essa máscara nova, os fãs agora já devem ter como saber se é mesmo a CEO da agência do grupo ou se é outra pessoa.

    Curtido por 2 pessoas

Os comentários estão desativados.